Características e Propriedades do Aço Carbono

Características e Propriedades do Aço Carbono

A importância do aço para a humanidade é de fato algo indiscutível. Só em 2019, o mundo produziu cerca de 1,8 milhão de toneladas de aço bruto, as quais o Brasil participou com a produção de 31 milhões de toneladas, se tornando o 9º maior produtor de aço no mundo, onde o primeiro colocado é a China com aproximadamente 996 milhões de toneladas.

O consumo de aço por um país é utilizado como termômetro da sua industrialização, isto é, quanto mais um país consome aço, mais industrializado ele é, devido a alta empregabilidade de setores em que esse material pode atuar de forma direta e indireta. Os setores mais atuantes da indústria do aço são a indústria de construção civil, o setor automotivo, bens de capital, utilidades domésticas e comerciais, tubulações e entre outros. Sendo o setor brasileiro mais consumidor de aço, a indústria da construção civil, que atinge uma parcela de 34,1% do consumo total.

Classificação:

Dentre os materiais metálicos ferrosos os aços, são ligas do sistema ferro-carbono, onde a composição de carbono na liga fica entre 0,008 e 2,11%p de C. Assim, os aços podem ser classificados de três diferentes formas: pela composição química; pela estrutura; pela aplicação;

Aço-carbono

Os aços-carbono representam por volta de 80% da produção mundial de aço. Esse tipo de liga possui como principal elemento de liga o Carbono, isto é, em sua composição outros elementos de liga apresentam baixa concentração. A classificação mais aplicável para os aços-carbono é referente a sua composição química, a qual segue os sistemas da AISI, SAE e ABNT. Assim, nessa classificação os aços são subdivididos de acordo com a concentração de carbono presente no sistema, sendo esses:

  • Aço baixo teor de carbono (até 0,25% de C);
  • Aço médio teor de carbono (de 0,25 a 0,6% de C);
  • Aço alto teor de carbono (de 0,6 a 1,4% de C);

Os diferentes teores de carbono nos aços reproduzem a diferença nas propriedades, com o aumento do teor de carbono a tendência do aço é de elevar sua dureza e resistência ao desgaste, em contrapartida reduz a ductilidade do material. As principais vantagens do aço-carbono estão relacionadas ao seu baixo custo e sua boa faixa propriedades, o que de fato abre um grande leque para suas aplicações, como:

  • Chapas;
  • Tubos;
  • Arames;
  • Construção civil;
  • Equipamentos ferroviários;
  • Maquinários;

Porém, alguns fatores limitam a utilização dos aço-carbono, a sua baixa resistência à corrosãoe baixa tenacidade limitam algumas aplicações em ambientes mais agressivos, o que só é possível com a utilização de aços liga.